Segunda-feira, 30 de Julho de 2007

Pensamento #24

Questiono-me se haverá algum motivo para falar mal de alguém. Qual? Não é já suficientemente mau para a pessoa haver o motivo?
E vantagem para nós? E o perigo de o julgamento ser errado. Exemplo: Pinto da Costa. Não gosto. Não conheço. Não posso julgar a pessoa, nem talvez as atitudes. Que sei eu das circunstâncias?
Posso embirrar, como com José Mourinho, mas julgar?
Só me posso julgar a mim próprio, mas como aí serei parcial, o melhor e preocupar-me em ser feliz.
publicado por joao moreira de sá às 12:00
link do post | opinar | favorito

Pensamento #23

Deve ser bom ler muitos livros mas eu contento-me em ler livros muito bons.
publicado por joao moreira de sá às 11:58
link do post | opinar | outras opiniões (1) | favorito

Fascinação #2

Adoro a voz da Shakira. Faz-me ouvir músicas de que até não gosto, mas aqueles quase-falsete quase-desafinado prende-me de prazer auditivo que não sei explicar. Mas provoca aquele arrepio inesperado na, dita, espinha que é a manifestação física que a música deve provocar.
publicado por joao moreira de sá às 11:53
link do post | opinar | favorito

Divagação #6

Apetece-me o teu cabelo para correr os meus dedos,
O teu rosto de acariciar,
A tua pele.
Mas gosto de sentir saudades de te sentir.
publicado por joao moreira de sá às 11:52
link do post | opinar | favorito
Domingo, 15 de Julho de 2007

Questionamento#5

É tão raro eu andar por Lisboa como recorrer ao palavrão mas,
Que merda é aquela no Cais do Sodré?
publicado por joao moreira de sá às 07:47
link do post | opinar | favorito

Opinião #30

Não concordo nada com aquela coisa de os governos serem julgados de 4 em 4 anos, que dá origem à teoria do "deixem-nos trabalhar e ao fim de 4 anos premeiem-nos ou condenem-nos".
É que isto é o mesmo que dizer "se fizermos bem prolonguem-nos o contrato, se fizermos asneira depreçam-nos".
Desculpem lá mas se a administração da minha empresa estiver a fazer asneira e a dar-me prejuízo, eu quero poder despedir a administração a meio do mandato.
publicado por joao moreira de sá às 07:47
link do post | opinar | outras opiniões (1) | favorito

Opinião #29

Já Eugenia Melo e Castro é um mistério. Ou o meu ouvido tem um defeito que deforma a voz da senhora, ou há (20?) anos atrás alguém não teve coragem de lhe dizer que talvez até saiba cantar mas não tem voz... e até hoje ainda ninguém teve.
publicado por joao moreira de sá às 07:45
link do post | opinar | outras opiniões (2) | favorito

Pensamento #22

Eu prezo-me de dizer que não há uma instituição bancária, vulgo Banco, que tenha uma conta onde eu seja titular e apenas um tem a minha assinatura como "co-proprietário", não por necessidade de ter onde depositar um rendimento inexistente mas à cautela.
Daí que a publicidade dos bancos, teoricamente, não me devia aquecer nem arrefecer.
Mas quando calha ver ou ouvir uma dessas instituições de lucratividade interessante mandar uma vedeta dizer-me alegre e sorridente que se eu fizer isto e mais aquilo e utilizar o cartão Viste-lo vou ter a honra de não pagar comissões e despesas sobre operações correntes, tipo, usar o meu dinheiro... Não há DeCú que aguente.
publicado por joao moreira de sá às 07:45
link do post | opinar | favorito

Opinião #28

Robbie Williams. Não faz o meu estilo (musical, note-se) mas, caramba, tudo o que o homem faz é bem feito. Dentro do que chamaria PopTop é o verdadeiro Madono.
publicado por joao moreira de sá às 07:44
link do post | opinar | outras opiniões (1) | favorito

Pensamento #21

A santa casa da misericórdia patrocinou um evento não aprovado pela UNESCO e que visa exclusivamente o lucro e cobra nos seus hospitais taxas mais altas do que no SNS.
“Não são rosas nem pão, senhor, é dinheirinho”
Já só sobra a Casa...
publicado por joao moreira de sá às 07:43
link do post | opinar | favorito

Arcebispo de Cantuária

Uma mente delirante e não muito normal encerrada num corpo com 43 anos. Presentemente desempregado mas com boas perspectivas de conseguir vir a trabalhar num call-center. Escrevo porque não gosto lá muito de falar e como irresponsável que sou, acredito que um dia ainda irei conseguir ser pago para escrever. jmoreiradesa@gmail.com

links

posts recentes

Resistir à mudança ou ser...

Preocupam-me os velhos qu...

Durante quantos anos vão ...

Volta ao mundo em 80 espe...

"de Lisboa a Bruxelas são...

Tenho a casa a arder. Qua...

Saramago, o evangelizador

Ó senhores do Barclays, n...

O país tem furos!

As desculpas de Passos Co...

subscrever feeds

blogs SAPO