4 comentários:
De A alguma altura a 1 de Julho de 2011 às 22:46
Havias de chegar a velho....

se nã conseguiste chegar a primeiro até aqui

é tentar chegar a segundo
De afechaste pá? a 12 de Novembro de 2011 às 20:10
Juros de Mora de Sá
De hebo19 a 10 de Junho de 2012 às 21:18
Antes de mais gostaria de lhe dar os meus cumprimentos,

Sou novo por aqui, e por outros lados também, uma vez que ainda desfruto dos meus tenros 23 anos, mas não consegui evitar comentar a sua publicação.

O único motivo que me leva a fazê-lo é o facto de concordar consigo a 100%. Sou jovem, e estou farto de ser generalizado. Acho que somos o único pais do mundo que desvaloriza tudo. Desvalorizamos os jovens e acima de tudo desacreditamos neles, desvalorizamos os idosos, deixando-os morrer sozinhos, criticamos o que está feito e por fazer... Como jovem é o que mais me entristece, é no meu pais eu ser marginalizado, pela mesma bitola de todos os outros jovens. "Eles não querem trabalhar, só querem é noite, e vadiagem" "Não têm dinheiro para a universidade mas têm para o Rock in Rio".. Custa-me ver a minha faixa etária a ser "mal tratada", mas fico contente por ver que pelo menos a próxima geração de "decisores", senhores com a sua idade, mais ou menos, já têm uma visão mais realista dos factos.

Mais uma vez obrigado pelo seu post.
De FM a 15 de Abril de 2013 às 16:13
Sem dúvida que concordo com a parte de que os jovens não são um caso perdido. As gerações presentemente adultas tentas incutir isso nas suas próprias cabeças vezes sem conta. Eu sou contra as generalizações e concordo que esta geração sim, tem os seus defeitos mas também tem várias qualidades que se calhar não existiam nas gerações de antigamente como uma maior criatividade, empreendedorismo e capacidade de inovação.

Aproveito para divulgar o meu blog mais recente: http://vaiterqueolharparaoutrolado.blogspot.pt , está convidado quem quiser disfrutar de momentos de entretenimento :)
Obrigado.

Comentar post